Herberto Sales

Herberto Sales

Voltar para lista de autores

Livros do autor

BiografiaHerberto Sales

Herberto de Azevedo Sales nasceu em Andaraí, Bahia, em 21 de setembro de 1917. Fez o curso secundário em Salvador, no Colégio Antônio Vieira, após o que voltou para a cidade natal, na zona das lavras diamantinas, para dedicar-se ao garimpo, ao comércio de madeiras e às atividades agropecuárias.

Aos vinte e dois anos, torna-se titular do cartório de registro de imóveis e publica algumas crônicas na revista Vamos Ler e Carioca. Seu romance de estreia – Cascalho (1944) – inaugura o ciclo temático da mineração diamantífera, em que fixa os aspectos da vida dos garimpos, como o coronelismo, a capangagem, as explorações dos garimpos pelos donos de lavras. O êxito de crítica alcançado por esse romance faz que ele decida abandonar o cartório e mudar-se para o Rio de Janeiro, para dedicar-se ao jornalismo e à literatura. Trabalha na revista O Cruzeiro, onde se torna chefe do setor editorial. Em 1945, Herberto Sales fez a segunda experiência romanesca, com Além dos marimbus, também ambientado em Andaraí, mas focalizando as atividades madeireiras de beira-rio. Resolve, porém, destruir os originais, para começar a recompô-lo em 1947 e publicá-lo em 1961. Seu terceiro romance – Dados biográficos do finado Marcelino (1965) – é um estudo de caráter, tendo com cenário a cidade de Salvador. No terreno da literatura infantil, Herberto Sales também fez sucesso com dois livros: O sobradinho dos pardais (1969) – prêmio Christiana Malburg, de Belo Horizonte, e diploma de mérito da International Board on Books for Young People – e A feiticeira da salina (1973). Essas obras têm a naturalidade narrativa, o toque de fantasia e o tempero ficcional que transparecem igualmente em seus livros de contos: Histórias ordinárias (1966), do qual o conto “A emboscada” inspirou um filme de curta-metragem, O lobisomem (1970), Uma telha de menos (1970).

Consagrado como um dos nossos mestres da prosa, Herberto Sales é desde 1971 membro da Academia Brasileira de Letras, tendo assumido, em 1975, a diretoria do Instituto Nacional do Livro.

Herberto Sales faleceu no dia 13 de agosto de 1999, no Rio de Janeiro.

Sem estoque Informe o seu e-mail e o notificaremos assim que o produto chegar em nosso estoque:


Enviar Cancelar